Blog Solaris

Blog > Publicação

Como lavar suas cortinas da forma correta

Cortinas costumam acumular poeira com o tempo. Quando colocadas em lugares onde circulam pessoas alérgicas, podem acabar prejudicando a saúde de quem necessita delas, se não higienizadas corretamente e com frequência. Há várias formas de lavar uma cortina, não importa o seu tamanho. Isso pode ser feito tanto em casa, num tanque e até na máquina de de lavar, como também pode ser feito enviando a peça a uma lavanderia.


cortina em natal

Se a cortina não é muito pesada e você tem habilidade para tirá-la dos trilhos e instalá-la novamente depois, não é difícil lavar em casa. Contudo, vale lembrar antes que alguns tecidos, especificamente o linho, algodão cru, seda, xantungue e veludo não devem ser lavados de qualquer forma. Para esses materiais, devemos deixar que profissionais cuidem de nossas cortinas para não estragá-las. Tecidos delicados precisam ser enviados a lavanderias especializadas que, em alguns casos, até vão na casa do cliente fazer a remoção e a reinstalação da cortina .


Agora, se a sua cortina é feita de materiais mais comuns, como poliéster, voal ou algodão, é possível lavar de forma prática. Antes de tudo, é necessário retirar qualquer acessório que possa estar acoplado a elas, como argolas ou ilhoses. É indicado ainda usar o aspirador com o bocal de escova em todo o tecido para tirar o pó acumulado, antes de colocar para lavagem em máquina ou tanque.


Na máquina, é importante não misturar a cortina com outras peças de roupa ou cama durante o processo. Centrifugar pode estragar alguns tecidos e, caso sua cortina esteja muito encardida, é bom deixá-la 40 minutos de molho. Mas evite o amaciante: ele pode deixar manchas na peça que, por ser muito grande, nem sempre é enxaguada uniformemente.


cortina em natal

Para cada material de cortina, existe um jeito especial de lavagem. Veja qual o melhor método para deixar sua cortina limpinha sem estragá-la:

  • Voil: se lavar à máquina, deve ser em modo delicado. Utilize sabão liquido de coco. Se for branco, coloque uma colher de sopa de bicarbonato.

  • Algodão pré-encolhido: pode ser lavado à máquina e com sabão comum.

  • Linho, algodão puro e seda: melhor deixar a lavagem com uma empresa especializada em como lavar cortinas, pois pode encolher e desbotar.

  • Poliéster: deixar de molho em água fria e pura por até 40 minutos, trocando o líquido três vezes. Nunca secar ao sol.

  • Renda: lavar à máquina com saco de proteção para peças delicadas.

  • Veludo: escovar as cortinas periodicamente com pano de camurça levemente umedecido em água morna.

  • Blecaute de PVC: limpe com esponja e sabão neutro.

Percebeu como não há segredo na hora de lavar suas cortinas? Basta ter cuidado constante e delicadeza ao limpar esta peça tão fundamental na decoração do seu ambiente. Em caso de dúvidas sobre maiores cuidados com suas cortinas, entre em contato com a Solaris e responderemos suas perguntas.


Confira mais

Como fazer a manutenção em sua cortina


Posts recentes